domingo, 4 de março de 2012

Um ano depois: Thaís



E aeeee...pessoas minhas , como estão?
Bem, fiquei pensando em uma frase que fosse muito a minha cara para dar uma saudação e começar a compartilhar um pouco do que eu tenho vivido aqui em Sampa. Então nada melhor do que começar dizendo: PARA TUUUUUUUUUUUUUUUUUDO! rsrs...to chegando (hahahaha)

Bem não é novidade pra ninguém que voltei pra minha amada terra, São paulo :D, só que voltei diferente,com pensamentos diferentes, sonhos diferentes e projetos diferentes. Então o plano inicial era passar apenas um mês aqui e voltar pra base pra dar continuidade a boa obra que Deus iniciou nesse tempo em minha vida, só que aconteceram alguns fatores aqui que contribuíram pra que esse plano fosse adiado. No começo foi bem difícil aceitar,mas tinha que honrar a minha família e então decidir ficar e começar a trabalhar.

Pra resumir tudo, atualmente estou trabalhando, consegui um bom emprego, minha família está bem, eu estou bem,está tudo bem (pelo menos eu pensava que estava). Mas na semana passada Deus teve que me acordar pra algumas coisas, e me mostrar que não estava tudo bem. Tive que perder algo muito importante e especial, algo que abalou minha estrutura e de repente, tudo o que estava "lindo e perfeito" tinha virado escombros. Tudo o que tinha sido alicerçado na areia tinha se desfeito e lá estava eu, com a imagem do meu castelo em  plena demolição. Lá estava eu sentada em meio aos escombros e nesse momento tinha que tomar uma decisão: levantar e deixar Deus refazer tudo e alicerçar sobre a rocha ou continuar sentada montando pedaço por pedaço pra um dia ser desfeito novamente.

Nesse tempo de literalmente destruir para reconstruir, Deus ministrou algumas coisas a minha vida. Me questionou sobre propósito, chamado e ministério. E me fez enxergar o quanto a minha vida ministerial está morta. Me lembrou dos sonhos que Ele sonhou e compartilhou comigo, sonhos estes que já havia esquecido ou adiado por teimar em fazer as coisas do meu jeito.

Meeeeo... falou de chamado, pude ter certeza de que estou no lugar errado. Não que eu não seja feliz aqui, eu sou... porém me falta alguma coisa,é como se eu fosse um peixe que estava nadando em mar aberto e de repente alguém pega esse peixe e o prende num aquário. É assim que estava me sentindo.

Também pude tomar decisões,que, pra muitos por aqui parece loucura, mas pra mim é a mais linda convicção que tenho agora. Decidi voltar, não negar mais meu chamado, não esconder mais quem eu sou. Sei quem sou, sei pra que existo e sei como Deus deseja me usar. Então decidi não lutar mais contra a vontade dele, por mais que TUDO e TODOS digam o contrário, eu sei em quem tenho crido e sei exatamente o que ele tá pedindo pra mim. Então to voltando pra base, largando meu emprego e indo da mesma forma que fui, sem "nada" aos olhos humanos. Mas com a palavra que ele me deu e a certeza de que ela se cumprirá em minha vida. To indo passar mais um tempo de cura, preparo, libertação, de morte das minhas vontades por lá. Um tempo que Deus vai me preparar pra me enviar aonde ele desejar. Pois já disse pra ele que não tenho expectativas e desejo ir aonde o vento do espírito soprar.

Thaís Mendes da Purificação
thathamp@hotmail.com - Facebook

5 comentários:

  1. LINDO!! AMIGAAAAAA! bj sabe que eu te amo né..! (ainda nao achei meu ponto de interrogação!!!!)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. hahahahha...ri demais!!! Acha logo esse ponto de interrogação hein..! rsrs... tbm te amo e amo muitooooo!

      Excluir
  2. Respostas
    1. Ooooooooooooooooown amigoooo :DD Te amo meoo!

      Excluir